Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Massa 7 dias por semana

Um blog sobre as peripécias de uma rapariguita que foi viver sozinha

Massa 7 dias por semana

Um blog sobre as peripécias de uma rapariguita que foi viver sozinha

21.06.20

Dependência Amorosa - Parte III

Valerie

1258946416 chamadas não atendidas. Dele, claro.

Até hoje, eu agradeço a esta gente que organizou aquele jantar, porque tiraram-me do maior inferno em que vivi até hoje.

Quando lhe liguei de volta, com maus modos, disse-me que eu estava feita numa ordinária. Ok, não foi preciso mais nada.

Muito bem, disse-lhe. Ficamos por aqui.

Até hoje meus amigos, passaram-se 2 anos e meio.

E ainda ontem falava com uma amiga e discutíamos isso... Eu não conseguia ver uma saída para aquela relação, de forma alguma. E do nada, sem sequer ter sido planeado, PIMBAS, BAMMM, acabou.

E foi das melhores coisas que me aconteceu na vida. E será sempre...

Mas isto tudo para vos falar da liberdade. E do quão boa pode ser.

Tá claro que eu venho escaldada, e gato escaldado de água fria tem medo, mas conseguem acreditar que sou tremendamente feliz sozinha?

Claro que não quero passar toda a minha vida sozinha, mas estes 2 anos e meio têm sido uma completa satisfação. AMIGOS, QUANDO EU DIGO SOZINHA É SEM NAMORADOS, OK? Não pensem cá que virei freira ou qualquer porra do género.

De repente faço viagens para o algarve de carro sozinha e adoro. De noite. De dia. Quando calha. Vou para o Porto ter com amigos, sozinha. E ando conforme me apetece. Ninguém me chateia. Ninguém me diz assim ou assado. E não tenho de perguntar nada a ninguém antes de tomar alguma decisão ou combinar alguma coisa.

Pessoalmente, adoro. Vocês não sei, até podem preferir ter companhia. E é legítimo de qualquer das formas. Mais uma vez, a ideia não é criticar ninguém, apenas partilhar ideias e formas de estar.

Não vou mentir que às vezes tenho saudades de ter alguém. Mas este tempo todo sozinha tem-me permitido, não só curar as feridas, como reestabelecer amizades que julgava já ter perdido.

De repente, sou livre. E isso é o mais importante de tudo.

E se alguém desse lado estiver preso como eu estive, tratem de acabar com isso - porque melhor que este feeling só ganhar o euromilhões ou perder peso.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.